NOTÍCIAS

03/01/2014 -- 15:55

Juiz manda manter preso motorista envolvido em acidente com 2 mortos

Na ocasião do acidente, o motorista e um passageiro da Mitsubishi seguiam pela Rodovia Miguel Jubran (SP-333) no sentido Tarumã a Florínea

No primeiro dia útil de 2014, o delegado Luiz Antonio Ramão, responsável pela delegacia de Florínea, onde um grave acidente foi registrado na madrugada de 31 de dezembro, com dois mortos, tomou conhecimento que o motorista da caminhonete Mitsubishi prata, com placas de Pedrinhas Paulista, que colidiu na traseira da moto em que estavam as duas vítimas fatais, o engenheiro agrônomo B.S.R.S., de 31 anos, permanecerá preso e foi transferido da cadeia de Lutécia para o Anexo de Detenção Provisória de Assis.

No dia do registro da ocorrência, o delegado indiciou o condutor por homicídio doloso (artigo 121 combinado com o artigo 18, inciso I, 2ª parte, ambos do Código Penal), por entender que houve dolo eventual, ou seja, que o motorista ao dirigir alcoolizado e em excesso de velocidade, assumiu o risco de produzir as mortes. "Nesses casos não há arbitramento de fiança. E existe a possibilidade do réu ir à júri popular, pois trata-se de um homicídio comum", explicou.

A decisão do delegado foi acolhida pelo Ministério Público para não fosse concedida a liberdade provisória requerida pelas advogadas do acusado, mas sim que fosse decretada a prisão preventiva, o que foi feito pelo juiz do plantão judiciário.

Na ocasião do acidente, o motorista e um passageiro da Mitsubishi seguiam pela Rodovia Miguel Jubran (SP-333) no sentido Tarumã a Florínea. "A testemunha que estava na caminhonete afirmou na presença de duas advogadas no interrogatório que ele e o motorista haviam tomado uísque e cerveja em uma festa. Eles voltaram ao local do acidente cerca de 20 minutos depois, com a caminhonete parada uns 400 metros adentro de um canavial. O impacto foi tão violento que a placa da moto ‘voou’ e foi parar na grade frontal de um caminhão Ford Cargo que seguia em sentido contrário" descreveu o delegado.

O motorista admitiu ter ingerido bebida alcoólica, mas não quis fazer teste do bafômetro e um exame clínico feito por médico legista confirmou que ele estava alcoolizado.


Caminhonete Mitsubishi e moto de Tarumã. O acidente deixou dois mortos


Redação Assiscity.com
Leia também!
Policial de Paraguaçu morre no Hospital de Assis
Márcio César Gomes, 39 anos, era PM há 15 anos, casado e tinha um filho de oito anos
Neta faz homenagem ao avô "Zé Novaga", vítima de latrocínio em Assis6
Em um trecho do texto a neta conta as consequências do espancamento que levou o avô à morte
Santa Casa de Assis divulga vaga de Auxiliar/Técnico de Enfermagem
Inscrições são gratuitas
Capela de Assis realiza Novena de Perpétua de São Judas Tadeu
A novena é na Vila Progresso às19h30 as quartas-feiras
Morre policial paraguaçuense ferido em ocorrência de tentativa de homicídio
Márcio Gomes foi internado em estado grave e por volta das 13h foi transferido para a UTI do Hospital Regional de Assis, entretanto não resistiu aos ferimentos e acabou falecendo.
Suspeito de esfaquear namorada bate em viatura da PM na fuga3
Colisão aconteceu quando ele fugia após agredir a vítima em Echaporã. Dois policiais que estavam na viatura e o suspeito ficaram feridos na batida.
» Veja a lista completa
Home Assiscity

Notícias

Notícias
Brasil
Destaque
Esporte
Região

Destaques

Eleições 2012
Blog
Charge
Comportamento
Colunistas
VC Repórter
Classificados
Promoções
Fale Conosco
Quem Somos
Sua Conta
Expediente
Newsletter
Política de Privacidade
Acesse a versão clássica
Redecity. © 2015
Google Twitter Whatsapp Facebook